O que fazer no Rio de Janeiro

6 minutos de leitura

Conheça as opções na alta temporada. Alugue uma casa de praia

O Rio de Janeiro é uma das cidades mais turísticas do mundo. Recebe anualmente mais de 1 milhão de estrangeiros e brasileiros que buscam explorar as belezas naturais e culturais que a cidade maravilhosa tem a oferecer e ficam em dúvida sobre o que fazer no Rio de Janeiro. Existem opções para todos os gostos e roteiros para quem quer ficar um dia, um final de semana, uma semana ou até mesmo uma temporada na região. No post de hoje oferecemos algumas sugestões que fogem dos principais pontos turísticos da cidade para quem pretende ficar de 2 semanas a 1 mês na cidade, até porque quem aluga uma casa de praia no Rio de Janeiro não quer apenas visitar o Cristo Redentor todo dia. Confira a seguir o que fazer no Rio de Janeiro:

Se aventurar em uma das dezenas de trilhas da Floresta da Tijuca

o que fazer no rj
Pexels

Você sabia que o Rio de Janeiro é lar da maior floresta urbana do mundo? O Parque Nacional da Tijuca cobre cerca de 32km² de floresta tropical e pode ser visitado diariamente das 8h às 17h, ou até às 18h no verão. Entre as belezas que se encontram dentro do parque estão o próprio Corcovado, onde está a Estátua do Cristo Redentor, a Pedra da Gávea, uma das maiores elevações rochosas da cidade e maior bloco de pedra a beira mar no planeta com 842 metros de altura.

É possível acessar a floresta por diversos meios que vão desde de a pé, de bike e de carro, até alternativas como trem, no percurso pela Estrada de Ferro Corcovado que se inicia na Estação da Rua Cosme Velho, e helicóptero, com vôos panorâmicos na área do Mirante Dona Marta. No entanto, recomendamos que você se aventure em uma das dezenas trilhas que existe na floresta, como o Caminho das Almas, o Caminho da Cachoeira, a Trilha da Caveira, a Trilha da Cova da Onça, a Estrada do Excelsor, a Trilha do Anhanguera, a Trilha do Papagaio, entre outras. 

O que fazer no RJ: Conhecer todos os museus da cidade

o que fazer no rio de janeiro
Pexels

Às vezes podemos esquecer que o Rio de Janeiro não é apenas uma cidade importante para nosso país por conta dos seus atrativos turísticos, mas porque foi por muitos anos a capital do Brasil e sede da Corte Portuguesa. Por conta disso, a cidade é riquíssima em cultura e possui muitas histórias para contar. Essa riqueza se reflete em um número expressivo de museus com os acervos mais importantes do Brasil. E tem para todos os gostos: fãs de artes, entusiastas das ciências, cinéfilos e curiosos. A cidade também está na rota de grandes exposições internacionais e recebe obras de artistas renomados, assim como instalações e acervos históricos.

Além de diversos, os museus do Rio de Janeiro são acessíveis, com preços reduzidos e diversas opções gratuitas, ao menos uma vez na semana. Pensando nisso, o site Fui Ser Viajante reuniu nesse post 41 opções de museus para visitar de graça no Rio. Agora não existe desculpa para não visitar ao menos um a cada dia da sua estadia. 

Praticar esportes à beira do mar

o que fazer no rio de janeiro
Pexels

As areias das praias do Rio de Janeiro são berço de diversos esportes comumente praticados hoje em dia. Um deles é o frescobol, considerado patrimônio imaterial do Rio de Janeiro, cuja data de origem e criador ainda são questionados, mas revolucionaram a maneira de jogar variações de tênis. Outro esporte com origem nas praias do Rio é o futevôlei, que possui uma história bastante interessante. Criado por um grupo de amigos na década de 60 quando foram proibidos pela polícia de passar toques à beira-mar, os mesmos encontraram nos diversos campos de Voleibol da praia uma maneira de combinar passos de futebol dentro da disposição das quadras de volêi. Logo a modalidade evoluiu, desenvolvendo novas regras, sendo hoje mais usual a constituição de duplas, e é disputada até mesmo em campeonatos mundiais.

Ir num ensaio de Escola de Samba

atrações do rio de janeiro
Pexels

De Dezembro até datas próximas ao Carnaval, na Rua Marquês de Sapucaí, onde está localizada a Passarela do Samba, é possível acompanhar os ensaios das escolas de samba mais tradicionais do rio de janeiro. Esses ensaios são um treino real para os desfiles, porém os participantes não usam de fato fantasias e carros alegórico são substituídos por ônibus, para demarcar os espaços. Ainda assim, vale a visita pois os participantes dançam, desfilam, e a bateria toca da mesma forma que no desfile. Normalmente não é cobrado ingresso, no entanto é importante certificar-se antes, nos principais portais da cidade do Rio de Janeiro, assim como as datas exatas dos ensaios.

Também existem os ensaios nas próprias quadras das escolas de samba, que começam por volta de Agostos. Apesar de não se tratar de um desfile propriamente dito, conta com ensaios da bateria, das passistas, porta bandeiras e madrinhas. Estes geralmente são exigidos ingressos comprados antecipadamente, e acontecem como se fossem grandes bailes.

O que fazer no Rio de Janeiro: Passear de Barco pela Baía de Guanabara 

visitar rio de janeiro
Pexels

Você sabia que por até 8 reais dá para desfrutar de um passeio completo pela Baía da Guanabara? Saindo do Centro do Rio, próximo a Praça XV, os passeios acontecem a bordo de navegação da Marinha do Brasil de quinta a domingo, às 13:15 e 15:15. Crianças, estudantes (mediante apresentação de carteirinha) e idosos desfrutam de meio ingresso, por 4 reais. Além da bela vista, o passeio conta com a presença de um guia que conta a história da região. Quem prefere estender o tempo do passeio pode optar pelo pacote com visita à Ilha Fiscal, que acontecem também de quinta a domingo, às 13:00, 14:30 e 16:00. Este último custa 10 reais o ingresso inteiro e 5 o meio. Quem estiver na região também pode desfrutar do Espaço Cultural da Marinha localizado, onde é possível visitar um submarino por dentro, uma das Naus do Descobrimento e um helicóptero museu, de forma gratuita.

O que fazer no Rio de Janeiro: Conhecer as cidades vizinhas ao Rio

o que praticar no rio de janeiro
Pexels

Quem acaba passando apenas uma semana ou menos na cidade, pode ser que não tenha tempo para desfrutar das belezas naturais do entorno da capital. No entanto, aqueles que passarem uma temporada na Cidade Maravilhosa podem facilmente dedicar um dia ou um final de semana nas praias da Região dos Lagos ou da Costa Verde. Búzios, Cabo Frio e Arraial do Cabo estão a mais ou menos 3 horas de viagem e proporcionam oportunidades imperdíveis de passeios a ilhas paradisíacas e o melhor da vida noturna. Quem procura o que fazer no Rio de Janeiro e opta por um roteiro cultural diferenciado também pode encontrar em Petrópolis e Teresópolis o local ideal. A meros 60 km da saída da cidade, as cidades proporcionam um dia charmoso na serra, com temperaturas amenas e atrações como o Museu Imperial, o Palácio de Cristal, a Casa de Santos Dumont, o antigo hotel Quitandinha e a cervejaria Bohemia.

.

Reply